0

Soma e segue

Os níveis de empatia do pai Copinho de Leite, pela alergia alimentar do filho, atingiram máximos históricos, depois de ele próprio ter ido de urgência para o hospital com uma reacção alérgica desencadeada pela ingestão de morangos. A propósito: sabiam que a alergia alimentar pode surgir em qualquer idade, inclusivamente, a alimentos que já foram…
Ler mais »

2

Post de auto-ajuda para mães de crianças com alergia alimentar

Esta vida de mãe de uma criança com alergia alimentar não é pêra doce. Na verdade, a vida de qualquer mãe tem altos e baixos, mas há períodos em que tudo parece pender para o “lado negro da força”. As preocupações com a saúde, a dança entre consultórios médicos, as horas intermináveis na cozinha e…
Ler mais »

0

Que venha 2017!

Despeço-me de 2016 com um sentimento de gratidão. Pela saúde da minha família, apesar de todos os sobressaltos. Por todos aqueles que acompanham e apoiam o projecto Copinho de Leite. Por todas as (boas) surpresas e oportunidades que vão surgindo. Em 2017, mantenham-se sintonizados na “frequência Copinho de Leite”! 😉

0

Feliz Dia dos Avós

A vós, que respeitais as indicações que vos são dadas, mesmo que às vezes não as compreendam muito bem;

A vós, que frequentais novos estabelecimentos comerciais que, de outro modo, jamais ousariam entrar;

A vós, que começais a ler rótulos com olhos de águia;

A vós, que reinventais os cozinhados de sempre para não incluir os “ingredientes proibidos”;

A vós, que ajudais os vossos netos a crescer em segurança;

Feliz Dia dos Avós!

Felizdiadosavos

2

O quilómetro extra

Os norte-americanos usam amiúde uma expressão que eu gosto bastante, que é “walk the extra mile” – o que em português equivalerá a “percorrer o quilómetro extra”. Basicamente, esta expressão refere-se a, numa dada situação, dar um pouco mais do que é esperado/do que é suposto para se atingir um objectivo. Tenho para mim que…
Ler mais »

Vídeo
0

Sorrir e acenar

Quando a vida nos obriga a parar, só nos resta sorrir (sempre que o efeito do anti-inflamatório o permitir) e acenar (com os dedos que ainda mexem).