Post de auto-ajuda para mães de crianças com alergia alimentar

Esta vida de mãe de uma criança com alergia alimentar não é pêra doce. Na verdade, a vida de qualquer mãe tem altos e baixos, mas há períodos em que tudo parece pender para o “lado negro da força”.

As preocupações com a saúde, a dança entre consultórios médicos, as horas intermináveis na cozinha e a voragem da “vida normal” a acontecer, sem se compadecer com o nosso caos familiar. Nesta azáfama acabamos por nos esquecer de nós mesmas, tão empenhadas que estamos em assegurar que tudo corre pelo melhor (seja lá o que isso for).  Volta e meia bato nesta tecla, um pouco ao jeito de aviso à navegação para mim própria. Há pequenas coisas que podemos mudar ou, simplesmente, incorporar na nossa rotina, para que nos possamos sentir melhor.

4 dicas para mães de crianças com alergia alimentar (e para quem lhe aprouver):

1. Dormir

Básico, eu sei.

Bem, na verdade não sei porque só durmo 5/6 horas por noite e, infelizmente, não tenho a genica do nosso Presidente da República. É o almoço para o dia seguinte que tem de ser feito, é dar seguimento aos 1001 projectos em que me meto, é o scroll interminável pelas redes sociais, etc, etc. Quando dou por mim já é 1 da manhã (ei!).

Uma boa noite de sono é meio caminho andado para, no dia seguinte, o cérebro carburar melhor e não parecer que vamos a um casting para o “The Walking Dead”.

2. Ficar offline

Precisamos mesmo de estar no Facebook e no Instagram, depois de jantar, a cuscar fotos e comentários de pessoas que nem sequer conhecemos? Não, não precisamos. Voltemos a dar uma oportunidade ao livro que jaz abandonado na nossa mesa de cabeceira.

3. Fazer exercício

As horas do dia não esticam, o nosso perímetro abdominal sim! O simples facto de estarmos inscritas num ginásio sem meter lá os pés, não fará nada por nós (cof, cof, cof). Afinal de contas, as mães de crianças com alergia alimentar são uma espécie de atletas de alta competição da maternidade. O ideal é descobrir uma actividade que gostemos mesmo e que seja compatível com a nossa vida atribulada.

Banda sonora para esta dica: “I still haven’t found what I’m looking for” – U2.

4 . Fazer algo por nós mesmas

Fazer compras, ir ao cabeleireiro, aprender uma língua nova, fazer voluntariado, meditar, receber uma massagem, dançar, escrever, ver um filme, não fazer rigorosamente nada.

Merecemos tanto!

2 thoughts on “Post de auto-ajuda para mães de crianças com alergia alimentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *