O que não dizer aos pais de uma criança com alergia alimentar*

Às vezes sinto mesmo que ando a pregar aos peixes, quando falo sobre a alergia alimentar do meu filho.

Se há dias em que lido bem com a situação, há outros em que me apetece morder! A pensar nestes últimos, resolvi criar uma lista do que nunca se deve dizer aos pais de uma criança com alergia alimentar.
Tomem nota!

  1. Mas afinal o que é que ele pode comer?
    (Porquê, vais convidá-lo para jantar?)
  2. Vá lá, dias não são dias. Deixa-o experimentar só um bocadinho!
    (Mas qual é a ideia? Queres ver se faz mesmo reacção?)
  3. Mas isso ainda não lhe passou?
    (Já, nós é que lhe estamos a pregar uma partida: só pretendemos contar a verdade quando tiver 30 anos)
  4. E guloseimas? Como é possível viver sem guloseimas?
    (Podes crer! Viver sem um órgão ou sem um sentido eu percebo, agora sem guloseimas é indecente!)
  5. Eu também tenho alergias! Farto-me de espirrar na Primavera!
    (Boa…tem tudo a ver!)
  6. O teu filho é muito esquisito em relação à comida.
    (É! Deve ser da idade…)
  7. Isso é tudo mimo!
    (Mimo é o teu filho aos guinchos para lhe fazeres as vontades!)
  8. Tens de relaxar!
    (Tenho. Ajudava se parasses de dar palpites e de fazer perguntas…)
  9. Mas pode mesmo morrer por causa disso?
    (Não!! Que disparate. Nós é que gostamos de fingir que sim!)
  10. Coitadinho!
    (f$%%#$$#&rs!!)

Identificam-se? O que acrescentariam?

Texto publicado, originalmente, na Up to Lisbon Kids, a 16/03/2015

 

One thought on “O que não dizer aos pais de uma criança com alergia alimentar*

  1. Revejo – me em todas as perguntas e até já me tem dito “mas porque é que ela não anda com uns talheres só para ela ? “

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *